Vídeo legendado em Português:



Tradução da narração do vídeo acima (com dois ou três pequenos erros):

Este é o nosso califado,
em toda a sua glória remanescente e a se expandir.

Foi estabelecido no ano 1435 AH – hégira (2013 DC).

O seu líder, descendente da tribo coraixita (tribo de Maomé),
Xeique Abu Baker Al-Baghdadi,

Aumentou seu território que já é maior que a Grã-Bretanha,
8 vezes maior que a Bélgica, 30 vezes maior que o Qatar.

É um estado construído sobre a metodologia profética,
esforçando-se em seguir o Alcorão e as Sunas.

Não é um estado secular
edificado sobre leis feitas por homens,

cujos soldados lutam pelos interesses de legisladores compradores, mentirosos, fornicadores, corporações e em prol da liberdade de sodomitas.

Somos homens honrados com o Islã que nos erguemos ao seu ápice para executar a Jihad,

atendendo ao chamado para nos unirmos sob uma única bandeira.

Esta é a fonte da nossa glória: Nossa obediência ao nosso Senhor!

Somos comprometidos em nosso culto a ele.

Nos curvamos apenas a Deus!.

Diferentemente das inúmeras facções desviadas que erguem suas falsas bandeiras e mudam de acordo com os ventos da política.

Sim, nós somos os soldados que acabaram com os ídolos do nacionalismo demolindo os símbolos pagãos de Palmira e Nínive

e destruímos as fronteiras do acordo de “Sikes Picot”.
Pois não há honra a ser encontrada nos restos do paganismo e nacionalismo.

E não há diferença entre o árabe e não-árabe ou o homem negro e branco, aceitos igualmente.

Esta é a glória da fé que nos une.

A justiça é a base do estabelecimento dos tribunais islâmicos e
há milhares de escolas para as nossas crianças e jovens,

onde se preparam para compartilhar
a grande recompensa de expandir este Califado.

América, você diz ter o maior exército que a história já viu.

Talvez você tenha os números e as armas,
mas seus soldados não tem força de vontade e determinação.

Ainda sofrem pela derrota no Afeganistão e no Iraque.

Eles voltaram mortos ou tornaram-se suicidas,
com cerca de 6500 deles se suicidando todo ano.

Enquanto vocês tentam entender
os resultados dos seus ataques aéreos

nós continuamos danificando a mente dos seus soldados
e plantando o medo em seus corações.

Com 18 dos seus soldados cometendo suicídio a cada dia,
antes mesmo de vocês obterem qualquer progresso.

Além dos 6 trilhões de dólares que vocês gastam na luta contra os muçulmanos
agora vocês estão muito fracos para enviar tropas por terra.

Vocês insistem em nos atacar do ar com mísseis que custam 250 mil dólares cada um,
enquanto nós enviamos seus representantes para o inferno com balas de 50 centavos.

Agora há uma nova coalisão de demônios com
o Irã, a Turquia e a Rússia unindo-se ao quadro.

Isto porque as nação dos infiéis (Kufar)
sempre se unirão para lutar contra a verdade.

Então venham todos vocês!

Seus números apenas aumentam a nossa fé,

pois estamos contando as suas bandeiras
e o nosso profeta disse que seriam em número de 80.

Então as chamas da guerra encontraram vocês
e os queimarão nas colinas de Dabiq (na Síria).

Venham todos! Pois ecoamos o poderoso chamado dos nossos profetas

“Juntem seus aliados, venham contra nós e não nos mostrem respeito nenhum.
Nosso aliado é o maior de todos, ele é Alá (Deus) e toda a glória pertence a ele”.

“Deliberai sobre seus planos e chamem seus aliados.
Que seus planos não lhes sejam encobertos.
Então tragam tudo contra mim e não me respeitem”
(Alcorão Sura 71).